sexta-feira, setembro 08, 2006

Ainda se lembram dos Joker?


Gosto imenso da música dos 80’s e dos 90’s. Cresci ao som da rádio, e a música é a minha essência. Por isso, de vez em quando faço umas pesquisas e descubro algumas pérolas perdidas no tempo.
A música que vos quero mostrar hoje foi composta em 1992 por um menino, que na altura prometia muito, o Tiago Gardner, o vocalista da 1ª banda de Rock FM portuguesa, os Joker. A música de seu nome Easy Come Easy Go foi dos maiores sucessos na época, e deu-nos a conhecer o forte potencial desta banda.
Era a balada do momento, a balada que punha as miúdas a delirar e os rapazes a ambicionar ser como eles.
Pena só terem editado 2 álbuns, mas parece a pressão sobre eles era demasiada e terminaram a sua carreira na música 4 anos depois a edição do seu 1º álbum.
O 1º álbum, Ectasy, tinha um som mais Hard-Rock FM, mais comercial e easy listening, já no 2º, Egg Nightmare, foi acrescentada uma boa dose de peso à música, com temas bem heavy tendo até algumas passagens thrash.
Basicamente eram uma banda que surpreendeu tudo e todos pela qualidade técnica, musical e cénica. Chegaram a fazer a 1ª parte dos Extreme no Dramático de Cascais, em frente a 10.000 pessoas.
Desapareceram faz este ano uma década e para os recordar com saudade, aqui fica a música que me marcou, tanto ou mais que o More Than Words dos Extreme.


Joker - Easy Come Easy Go

45 notas celestiais

mystic disse...

Isto é que foi remexer no baú das recordações... já não me lembrava deles, mas a musica assim que vi o titulo fez-se luz.
Que pena a nivel nacional o hard rock estar esquecido :(

Bjs e bom fim de semana

Margarida disse...

a mim aconteceu-me o mesmo, não me lembrava deles até ter ouvido a música :)

bom fds*

GK disse...

SIIIIMMM, lembro!!!! Então não lembro!?
Bem... que bela recordação!
ADORO estes teus posts!!!

GK disse...

Não! É extraordinário! Ainda ontem andei a cantar esta, ao fim de tanto tempo! E agora ler isto...
Extraordinário!

GK disse...

Obrigada, obrigada, obrigada!!!
:)))

Bj.

The Star disse...

mystic, tens toda a razão quando dizes que o hard rock nacional está esquecido. Nem sei se existe actualmente alguma banda de hard em Portugal. Foi uma pena os Joker terem terminado, já que eu adorava o som deles.

GK, que coincidência!!! Depois de tantos anos, quando já ninguém tem na lembrança esta música, tu andas a contá-la e nem de propósito eu faço um post sobre ela? Quais são as probabilidades de isso acontecer?!?!?! :p

Isto só prova que a música nos marcou a todas.
Vocês nem imaginam as recordações que esta música me trouxe, quando a encontrei por acaso numas cassetes super antigas, já há muito esquecidas. A minha adolescência foi suportada nesta música e no More Than Words dos Extreme. São recordações ainda muito vivas…

Obrigada a todas pelos vossos comentários tão simpáticos.
Fiquem bem, minhas queridas.
Beijinhos.

Hitori Jinsei disse...

Apenas venho acrescentar algo mais...

Se alguem tiver curiosidade em pesquisar no e-mule ainda encontram alguem a partilhar esse música que tanto deliciou a geração da altura..Pessoal que hoje tem a volta dos 27,28,29,30.... Falo por mim que sempre gostei de música portuguesa e realmente os Joker foram uma afirmação bastante reveladora do potencial portu´guÊs, mas que uma vez mais sofreu na pele a falta de patrocinios (foi o que correu como boato, não sei se isso se verificou mesmo)....

Um bem haja a quem recorda estas pérolas...

Um abraço a todos....

PP disse...

Eh pa... mto mto fixe esse som... tenho isso numa compilaçao de musicas k passavam no bauhaus nas noites d rock... ja procurei por todo o lado e num encontro...

Parabens, mto fixe

*©OsMi©_KeY§*_® disse...

Tenho os cds e o vinil de Joker, muito se especula quanto ao que se passou com a banda e o término da mesma. Julga-se e após algumas conversas com amigos próximos da banda o que levou á separação foi a doença grave da qual o vocalista padecia, julga-se que Alzheimer ????!!!

Aproveito para vos convidar a visitar o culto do vinil em http://cultodovinil.blogspot.com

o link directo para os joker é http://cultodovinil.blogspot.com/search?q=joker

poderão encontrar um pouco do hard rock nacional nesse link.

Parabêns pelo blog

joker chick disse...

Easy come and go... ainda me lembro do meu primeiro amor quando ouvi esse song ate hoje ainda tras me memorias e lagrimas aos olhos .
sou uma grande fa.
se alguem quiser contactar me este e o meu mail missdarkromance@hotmail.com
feel free
abracos

Anónimo disse...

Beijinhos e abraços!! Só para dizer que todos nós estamos vivos e com vários projectos.... a seu tempo viram cá para fora!
José Vasconcelos


* P.S. - Fico contente por saber que afinal "Easy come and Go" foi especial para alguem..... Bjs!

(josevasconcelos@iol.pt)

The Star disse...

É incrível como passado este tempo todo desde que publiquei este post, ainda há pessoas a deixar aqui comentários. Estou a ver que a música dos Joker marcou toda uma geração.
O meu muito obrigado por todos pelos comentários.

Agora quero enviar uma mensagem muito especial ao José Vasconcelos.
Muito obrigado pelo comentário, José. Nem queria acreditar no que li quando recebi a mensagem com este comentário.
Fiquei com imensa curiosidade para saber as novidades que por aí virão.
Força a todos os elementos desta banda, que merecem tudo de bom por me terem feito ser tão feliz ao som da vossa música.
Um grande bem haja a todos vós.

Anónimo disse...

Olá The Star. Gostava só de dizer que fico muito feliz em saber que ainda há quem se lembre das músicas do meu irmão.
Um grande beijo e que nunca te esqueças da banda e das suas músicas que nos marcaram a todos.

P.S. - O Tiago não tem Alzheimer...;)

Diogo Gardner

The Star disse...

Até o irmão do Tiago por aqui passa para deixar um comentário tão simpático. Sinto que este post chegou a muita gente, e isso faz-me sentir bem. :)
Diogo, o meu muito obrigada pelas tuas palavras. É sempre óptimo receber a visita de pessoas que estiveram directamente ligadas à banda, faz-me sentir de alguma forma + próxima da sua música.
Nunca que eu me podia esquecer dos Joker, eles foram um marco na minha adolescência e ainda hoje os ouço como há 15 anos atrás.
Só tenho muita pena em nunca os ter visto actuar ao vivo.
Já agora Diogo, envia os meus cumprimentos aos membros da banda e que eles voltem às lides musicais, brevemente.

gatumano disse...

Olá.

Deparei-me com o teu blog por causa dessa mítica banda, os Joker. Isto porque andava aqui a remexer no meu iPod e vá-se lá saber porquê, tinha aqui uma música deles. Após tê-la ouvido, resolvi googlar e encontrei o teu post. Espero que não te importes do facto de ter adicionado uma referência no meu blog.

The Star disse...

Gatumano, obrigada pela visita e pelo comentário.
Já te fui fazer uma visita e também deixei lá a minha marca. ;)

gatumano disse...

A honra foi minha! Eu é que te agradeço por não te teres importado de ter colocado um link para o teu blog e ainda por cima teres lá deixado um comentário. ;)

Pois é verdade, é impressionante como é que este teu post ainda mexe! E espero que assim continue! ;)

E obrigado eu, pela tua visita ao meu humilde boteco.

Pete disse...

Quero aqui publicamente dizer que sempre achei os Joker uma das melhores senão a melhor banda Portuguesa,fala-se muito do Easy come and Go,mas existe Joker para além desse Hit,existe um album chamado Egg Nightmare que é extraordinario a meu ver tendo em conta que o album foi gravado em 93/94 Egg Nightmare é um album visionario do que estaria para vir em termos musicais,é um album com uma sonoridade muito muito diferente do Ecstasy é certo,incompreendido por muitos amado por poucos,eu como musico adoro os 2 albums adoro Hard Rock dos 80 logo ai fiquei fascinado com o Ecstasy o Tiago tem uma excelente voz muito acima de muitos vocalistas de renome e ao vivo a banda funcionava muito bem,lembro-me de um concerto de Joker na Parede era eu um puto de 17/18 anos...as saudades são muitas não só da musica mas do feeling que se sentia na altura,sinceramente só posso agradecer e muito a todos Tiago,Paulo,José,Hugo,Luis por terem de alguma maneira feito parte da minha vida e acima de tudo terem tido a coragem de fazer o que fizeram e na altura em que o fizeram neste Portugal pequenino.Sem duvida que ficaram para sempre nos nossos corações.Um bem Haja a todos vós e porque não uma palavra de apreço a que se lembrou de fazer este blog com este topico.

Pedromrc75@gmail.com

David disse...

Sem duvida uma banda enorme perdida no tempo. NEste momento o mais parecido que ha em Portugal so Wipeout. Uns gajos mto bons de Viseu que ate ja abriram Xutos duas vezes e Blasted outras tantas e q n é mto divulgada. A descobrir. Bom blog. Grande Post e 5segundos pra relembrar os grandes Joker.

Fernando disse...

ola pessoal daqui fala um avec portanto desculpem as faltas de portugués.
Durante anos e anos andei a procura na net algo sobre os joker sem nunca nada encontrar........a nao ser que ha um logotipo no livro do CD "gardenia clothes" pesquisei e encontrei gardenia lojas terà alguma ligaçao com tiago gardner(="gardenia")acho que tambem vi o logotipo no fim de alguns programas de tv ai em em portugal.
Depois tambem procurei pelo josé vasconcelos e descobri que ele tinha um estudio de gravaçao de publicidade e de musica algures em portugal.E mais nada até hoje e este blog ,bem haja......

Eu descobri os joker porque aqui (frança)na radio alfa ,un apresentador a partir da meia noite passava joe satriani,steve vai ,e musica nacional tipo joel xavier,e "little susie " ele dizia que era uma banda portuguesa que tinha um videoclip a rodar na MTV.E isso orgulhava o meu sentimento lusitano.
Depois ai comprei ai numa loja em castelo branco(nada a ver com FNAC ou coisa do genero)onde antes de comprar o senhor da loja ponha o disco naaperelhagem para ver se gostavamos ou nao ,invrivel!!
O ecstasy é um grande disco do chamado rock hair comparavel ao 1984 De Van halen,1987 e slip of the tongue de whitesnake,joker estao a altura dos dokken,FM,Poison...
Foi pena ter chegado em 1992 :Nirvana principio do grunge e fim de tudo o que é rock com muita produçao.

Fernando disse...

Agora tenho algumas perguntas a proposito do inglés de tiago .

Hypothese 1:o tiago e oriundo dos açores (base das lajes ) ou o pai é militar americano ("gardner").

Hypothese 2: o tiago e o pedro granger andaram no colégio ingles em lisboa.

Porque para cantar assim em inglés nao basta ver programas ingleses legendados em portugues.

Faz falta um site a contar a historia da banda.

Ja que tenho o CD a minha frente e que ha muito pessoal que procura o CD.
as referencias :

Polydor
CD 517593 2
LP 517593 1
MC 517593 4

Fernando disse...

Agora ainda ando ha procura de duas coisas e como sei que para aqui ha pessoal que conhece bem a musica portuguesa aqui vai:

Primeiro:é uma banda a cantar em portugues cujo o nome é "pagem pagem" ou qualquer coisa parecido, o cantor canta no estilo ,em portugues ,de eddie vedder (pearl jam)banda de lisboa la para os anos 92,93,94;

segundo:2 uma cançao com o refrao é assim "toalhas i feel good(!!!),um cigarro a meio,um modo de estar..."
a voz do cantor é parecida com luis portugal dos jafumega mas ja fiz download do best dos jafumega e luis portugal e nao estava la nada!!Portanto se alguem tiver alguma pista email :FerDias@wanadoo.fr
um abraço a todos...

Metal40 disse...

Tenho os dois álbuns dos Joker e vi vários concertos deles. Alguém sabe dizer-me em que data tocaram na antiga Gartejo e no Bauhaus? Obrigado pela ajuda.

saturno disse...

À uns meses atrás ao remexer na tralha esquecida numas caixas deparei com uma cassete (uma raridade hoje em dia), e resolvi desencantar um dos radios antigos do meu pai para ouvi-la porque tinha uma etiqueta escrita que marcava Rock em Stock, 1992.
Deparo então com essa fantástica faixa, Easy Come and Go!!!!
Que saudades!!!!
Por mais lamechas que pareça, apetece-me sempre voltar atrás no tempo para viver os meus loucos 16 anos.
Obrigado por este fantástico tributo a uma banda que jamais esquecerei e que sem dúvida alguma marcou a minha vida!!
Alguém sabe o que é feito dos elementos que compunham a banda.
A voz do Tiago era simplesmente fantástica!!!

Anónimo disse...

boas,

lembro me bem dos joker.
tive o cd deles e por qualquer motivo perdi ou vendi.
gostava de adquirir de novo o 1º ou ambos.
alguem me sabe dizer onde ou como? alguem tem?
obrigado

Anónimo disse...

Por acaso há pouco tempo fui dar com o cd e o vinil do Ecstasy, no meu baú. Para ter o Egg Nightmare, tive que o descarregar da net, já que nunca o consegui encontrar á venda, mas para mim, foi um dos grandes albuns de Metal feitos na época. Ah! E ainda tive o privilégio de os ver ao vivo. Muito, Muito bom mesmo!!!!

Anónimo disse...

Grande banda mesmo!!!Que saudades dos Joker...Se algue tiver cd's deles para vender eu compro

Fernando disse...

os joker en video aqui

http://www.youtube.com/watch?v=kV0p6RWrUww

http://www.youtube.com/watch?v=TKWOP3yJOho

http://www.youtube.com/watch?v=VJxiytg_zd8

Goncalo disse...

Realmente este grupo foi fenomenal!
Ainda hoje oiço com imenso prazer.
Estive à procura na net mas não encontro sitio para descarregar os albuns. Podem ajudar-me?

Obrigado

José Vasconcelos disse...

Nada mais gratificante que ler estes comentários sobre algo criado há já quase duas décadas!! Caramba o pessoal ainda se lembra! Muito Obrigado a todos!!

José Vasconcelos - JOKER

P.S. temos pelo menos 4 músicas gravadas entre 1991-1994 que nunca foram editadas...

Mónica Guerra Leiria disse...

Há coisas do arco da velha! Ontem lembrei-me assim do nada da Easy Come And Go, e hoje deu-me para ir ouvir a música e pesquisar o que teria acontecido à banda... eis senão quando me deparo com este post teu, Estela. O mundo é pequeno mesmo! Beijinhos!
Mónica/Jester's Tear

Anónimo disse...

To: Metal40
Os JOKER tocaram no bauhaus em 11-04-1991
e o lançamento na gartejo foi dois dias antes do concerto no dramatico a 4 -10 -1992
abraço
Jose Vasconcelos

Anónimo disse...

Conhecia o Ectasy e o seu "Easy Come Easy Go", pois cheguei a ter isso em cassete na altura.

Agora o que eu desconhecia era o Egg Nightmare, que encontrei por aí nalguns posts. Acabei de ouvir e é realmente um disco muito bom, além de que prefiro a sua sonoridade em relação ao primeiro.

Talento assim devia ter continuidade, mas ao não ter, lembrança tem de certeza... Discos assim ficam para a história! :)

jp leonardo

Anónimo disse...

Grandes estes meninos, sobretudo o Paulo Ferreira (o guitarrista) que era um visionário do rock e estava muito à frente do seu tempo. Acompanhei de perto o percurso da banda, incluindo a gravação do 1º cd (o 2º cd - Egg Nightmare foi gravado em Londres). Enfim, era banda a mais para este Portugal de surdos em que a maioria só quer bimbalhada.

Anónimo disse...

Tive pena de terem desaparecido.

Tive a sorte, e a oportunidade, de ficar como responsável de segurança onde os Joker foram uma das bandas presentes. O concerto terminou com os LX-90 e, curiosamente, os LX-90 (antigos Heróis do Mar) tiveram menos de um terço da assistência que os Joker tiveram).

Como responsável de segurança, da empresa que organizou o concerto, acabei por falar com alguns dos elementos da Banda.

Eram de uma simplicidade no melhor sentido. Com o êxito que tinham, podiam ser vedetas. Mas não.

Simplesmente impecáveis. Tal como a música...

João disse...

Este video e este dos Joker trazem com eles boas memorias acima de tudo, é com nostalgia e alguma saudade que os ouço duas décadas depois.

Curiosamente continua um som muito actual, o que é bom perdura sem duvida...

Alex Correia disse...

Os Joker foram de facto um banda excelente, mas infelizmente apareceram numa altura em que o Grunge convenceu as massas que o Hard Rock era ridiculo.

Para suster uma carreira musical, é necessário continuar a tocar o mesmo género, sao muito poucos os que mudam de direccao e conseguem manter os fans.

O segundo albúm foi provavelmente uma má jogada em termos de carreira, mas como músico, compreendo que gravar um albúm igual ao anterior nao os iria satisfazer musicalmente. É algo que satisfaz os AC/DC, ou entao eles sao excelentes homens de negócios que sabem sempre produzir algo que vende bem.

O Tiago é um excelente vocalista, é pena nao haver (acho eu) mais trabalhos com a voz dele. A pronuncia do Ingles era impecável, tanto que na altura pensava que os Joker eram uma banda Americana. Já os Moonspell nao enganam ninguém, boa música, pronuncia terrivel, mas é a pronuncia dele que dá graca á coisa, senao era mais uma banda de Metal Gótico para a coleccao.



Desejo tudo de bom para os membros da banda, espero que estejam a fazer o que gostam e espero ouvir algo deles brevemente.

Stratorider disse...

Só quero deixar uma simples nota, São Inesquecíveis!
Marcam uma época e a qualidade é avassaladora, que tristeza já não estarem no activo.
+ de 23 anos depois do Ecstasy, e ainda continuo a ouvi-lo com o mesmo prazer.

PedrinhoSSM disse...

Eu lembro-me bem e vi-os ao vivo em 6 de Novembro de 1992 quando eles fizeram a primeira parte dos Extreme. 2a parte foi feita pelos Thunder. Isto no antigo Pavilhão Dramático de Cascais. Tenho o CD deles aqui na minha mão. Aquela música "Easy Come And Go" não me saía da cabeça. E por acaso tinha um colega amigo que conhecia alguns dos membros da banda incluindo o vocalista. Estou neste momento á procura deles no setlist.fm para dizer que estive nesse concerto mas não encontro esta banda lá.!!! Sobre os Extreme nesse concerto consegui falar com a banda toda antes do concerto incluindo o grande Nuno Bettencourt e ainda tenho os autografos todos deles no meu bilhete desse concerto guardado, ou seja bem guardado, hehe.

PS: Tenho saudades das tuas escrituras, de posts novos no teu blog.

The Star disse...

Passados quase 20 anos deste post, ainda há comentários tão variados, com uma constante. Todos temos saudades da voz do Tiago e da música da banda.
Era tão bom ter novidades sobre o que anda a fazer cada um dos antigos elementos, não era?
Bem haja a quem ainda passa por aqui e deixa a sua marca, contando como a música dos Joker ainda vos move! :)

The Star disse...

Já agora, para os interessados os CDs dos Joker estão à venda aqui:
https://www.discogs.com/artist/1664143-Joker-20
O Ectasy até está à venda em versão CD e vinil.

Wanderer disse...

Bem, é engraçado deparar-me com este blog, sempre que vou revisitar o "velhinho" Egg Nightmare. Dou por mim com uma curiosidade quase mórbida, á procura de alguma réstea de informação sobre os Joker, e o que é feito deles actualmente.
Sei que o teclista tocou durante algum tempo com o Paulo Gonzo(acho), e nunca mais se soube de nada.
Vi-os ao vivo uma única vez em Montemor-o-Novo, e que grande concertão que foi!!!
Depois perdi-vos o rasto, e de repente dei com um album chamado Egg Nightmare que simplesmente me rebentou com as idéias, e o único pensamento que tinha era: "... porque é que este trabalho não tem mais reconhecimento...".
confesso que o ecstasy me aborrece, talvez por ter sido tão massacrado com ele na altura em que saiu, mas mesmo assim sou um detentor orgulho do cd e do vinyl. E o EGG Nightmare continua a ser uma bomba!!
Posto isto, acho que vocês se deveriam juntar, nem que fosse para um único concerto ;)

The Star disse...

Este fim-de-semana recebi um mail do José Vasconcelos himself, que me escreveu a dizer que ele (o teclista dos Joker) e o Tiago se vão juntar novamente e em 2017 teremos novidades.
Fiquei tocada por receber um mail directo dele, com direito a foto actual e tudo.
Ora então vou esperar ansiosamente as novidades que por aí vêm!!!!

Wanderer disse...

The Star, isso são excelentes noticias!! Que venha material deles!

Anónimo disse...

Olá

Até eu que gosto de metal mais pesadão gosto da malha e nunca compreendi como "easy come and go" não chegou mais longe. Grunge, canais de tv a deixar de passar hardrock ou heavy,etc...
Hoje em dia acho que o problema poderá ser para muitas bandas de PT: location, location, location. Quicá...

Abraços e desejo, voltando ou não, saúde, felicidade e prosperidade.

45 notas celestiais