sexta-feira, abril 02, 2010

Dear John…

… que é como quem diz Juntos ao Luar. Estes títulos dos livros do Nicholas Sparks em português são tão inesperados que cada vez que sai um livro adaptado ao cinema, nunca consigo associar de imediato o nome do filme ao livro, enfim…
Nunca cheguei a fazer a minha review do filme anterior que vi (filme da adaptação de um livro de Sparks), A Walk to Remember, que em português nem sequer se chamou Um Momento Inesquecível como o livro em português. Esse foi o melhor filme que vi de uma adaptação de um livro do meu autor de romances favorito. O Shane West e a Mandy Moore formaram um casal muito doce e a sua empatia e a história comovente fizeram com o filme fosse uma pérola achada.
Este Juntos ao Luar conseguiu transmitir-me uma magia tão intensa quanto o A Walk to Remember. Poucos filmes adaptados de livros que leio conseguem ser tão especiais como a história lida de suas páginas. A forma como lemos a história e imaginamos as personagens é algo que nunca se consegue comparar com personagens de carne e osso. É certo que não tinha muito bem presente a história original, já li o livro há algum tempo e após a leitura de dezenas de livros do Nicholas, as histórias tendem a confundir-se umas com as outras. Depois de ver o filme é tudo muito mais claro, mas sinceramente, não consigo avaliar muito bem se esta foi ou não uma boa adaptação. O certo é que o encantamento de ler um livro dele, foi transportado para a tela do cinema.
As personagens encaixam na perfeição, as paisagens, a fotografia incrível que nos transporta entre os EUA e os cenários de guerra em África ou no Afeganistão, a banda sonora super adequada e a sensibilidade tão característica do autor, tudo foi estudado e tudo está ali reflectido.
A meio do filme, tive um espasmo. Uma das personagens era um actor bem conhecido, que ali está crescido, um homem feito… Sim o Elliott de E.T. cresceu, tornou-se um homem. E o espasmo foi não o ter reconhecido anteriormente. Foi uma cena em que fez uma expressão na qual vi o Elliott, eheheh. Acho que toda a sala de cinema se apercebeu do meu espasmo, porque não me contive e quase saltei da cadeira. Não sei, fiquei mesmo surpresa de o ver ali e nem sequer o ter reconhecido após várias cenas… xD
Quanto à Amanda Seyfried, que interpretou Savannah, fez-se uma actriz muito convincente. Já em Mamma Mia era uma personagem de sorriso muito característico e uns olhos azuis lindos e muito expressivos. Aqui denota-se perfeitamente todas essas qualidades. Ela tem uma voz lindíssima e temos o prazer de a ver tocar e a ouvir no filme.
O Channing Tatum, o John, quem me parece não conhecer de filmes anteriores, também esteve à altura. Actor de expressão carregada em cenas dramáticas, mas muito querido nas cenas em que estava ao lado da sua Savannah. Giro q.b. e muito sensual. Adorei ver as cenas em que está em cima da prancha de surf, bem como a cena em que se “desarma” perante o pai.
Escusado será dizer que saí da sala de cinema de olhos a arder e nariz vermelho, mas valeu a pena. Apeteceu-me dizer no final: See you soon!!!

E como ainda não li o próximo filme a estrear nas nossas salas, comecei agora a ler A Melodia do Adeus. Não vou ver o filme sem antes ler o livro e quero muito ver o filme!

Ficha Técnica
Título português: Juntos ao Luar
Título original: Dear John
Realizador: Lasse Hallström
Descrição: John Tyree (Channing Tatum) é um soldado em licença e de visita à cidade natal. Savannah Curtis (Amanda Seyfried) é uma estudante a passar aí as férias de Verão. Depois de um inesquecível encontro e de duas semanas de entrega total, nasce entre os dois um amor profundo que tentará, durante anos, resistir à ausência e solidão que a distância pressupõe. Com apenas alguns encontros fortuitos, o seu amor ganhará forma e força através das centenas de cartas trocadas, e ambos vivem para o momento do reencontro.
Mas as longas separações vão cavando um fosso difícil de transpor e quando, após o tão desejado regresso a casa, se dá a tragédia do 11 de Setembro, John decide realistar-se no Exército. É então que Savannah toma uma resolução que irá mudar, para sempre, as suas vidas. Mas significará esta separação o fim de um amor verdadeiro?
Baseado no "best-seller" de Nicholas Sparks, um drama com a assinatura de Lasse Hallström ("As Regras da Casa"," Chocolate", "The Shipping News", "Uma Vida Inacabada").
Actores: Channing Tatum, Amanda Seyfried, Richard Jenkins, Henry Thomas, Keith Robinson
Género: Drama, Romance
Ano de Lançamento: 2010
Duração: 105 minutos
Classificação: Maiores de 12 anos
Classificação (de 0 a 10): 9,5


3 notas celestiais

Nekas disse...

Que pontuação!
Espero que estejas certa acerca do Channing Tatum! Ele em G.I. Joe estava uma nódoa!

Ai esse espasmo! ehehehe

Abraço
Cinema as my World

The Star disse...

Nekas, bem vindo ao meu cantinho. Obrigada pelos teus comentários, são sempre bem vindos.
O Channing, nunca o tinha visto em mais filme algum, por isso não tenho termo de comparação.
E eu costumo ser generosa com a pontuação, desde que tenha gostado muito de um filme. Só não levou 10 pontos porque continuo a preferir o A Walk to Remember a este Dear John, mas ganha-lhe por pouco! xD

Susana disse...

lol, fiz comentario no post errado..., tou habituada a que os comentarios sejam em baixo dos posts hiihihi (k trenga)

3 notas celestiais